11 fevereiro 2010

São Raimundo 1X0 Botafogo- Complicou botinha!



Durou somente tres partidas a invencibilidade de Joel "prancheta" Santana, jogando no Colosso do Tapajos o botinha perdeu de 1x0 e complementou sua passagem pela cidade, ajudando na festa da torcida santarena.

Marcelo Pitbull fez boa jogada pela esquerda, em cima de Fahel, e cruzou. Branco, sozinho, tocou de cabeça para o gol de Jefferson.

O time do São Raimundo conseguiu o que queria. Fazer o jogo de volta, no Engenhão, marcado para o dia 24 de fevereiro.
se vira Joel!

Resenha do jogo
O São Raimundo surpreendeu o time do Botafogo que, completo, não conseguiu fazer uma boa estreia na Copa do Brasil. Com a vitória por 1 a 0 - gol de Branco, aos 23min do segundo tempo -, o São Raimundo vai com uma boa vantagem para o o jogo da volta, marcado, previamente para o dia 24 de fevereiro que decidirá o classificado para a Segunda Fase da competição.

Os muitos torcedores que estiveram presentes no Colosso dos Tapajós presenciaram um primeiro tempo bastante disputado. Enganou-se quem acreditou que o Botafogo encontraria moleza em Santarém, pois foi o São Raimundo quem começou melhor no jogo. A equipe paraense explorou bastante as laterais do campo, com Leandrinho e João Pedro. O meia Michel também apresentou perigo ao Fogão nos minutos iniciais da partida.


Com bom toque de bola, os donos da casa arriscaram algumas vezes de fora da área. Aos 6min, com Leandrinho, e aos 13, com Filho, o São Raimundo tentou abrir o placar do meio da rua, dando trabalho ao goleiro Jefferson, que afastou todas as possibilidades com segurança.

Por sua vez, mais uma vez o Botafogo optou pelo alto como o melhor caminho para concluir as jogadas. Lucio Flavio e Marcelo Cordeiro buscaram Loco Abreu diversas vezes. O uruguaio esbarrou, porém, na forte marcação do São Raimundo dentro da área e não conseguiu converter as finalizações.

Na segunda metade da primeira etapa, o Botafogo por pouco não abriu o marcador. Aos 28min, Marcelo Cordeiro surpreendeu a zaga do São Raimundo acertando um canhão na trave do goleiro Labilá, após bela jogada pela esquerda.

Com Somália no lugar de Eduardo e um pouco mais embalado, o Botafogo voltou para o segundo tempo do jogo com melhor domínio de bola e insistindo nas jogadas aéreas para colocar a redonda nas redes do São Raimundo. A boa atuação do goleiro Labilá, porém, garantia o empate para os paraenses: aos 15min, Herrera disparou pela direita e bateu cruzado com categoria, mas Labilá realizou bela defesa.

Mas o São Raimundo também voltou com vontade e, por diversas vezes, aproveitou os espaços livres deixados pela zaga botafoguense para tentar as finalizações. Fahel quase entregou aos 18min, após escorregar na saída de bola e deixar o caminha livre para o ataque do São Raimundo. A oportunidade foi desperdiçada por Branco, que foi interceptado por Fábio Ferreira que correu atrás do prejuízo.

A falha de Fahel se repetiu aos 23min, com a bola no alto. Desta vez, Branco não economizou e marcou o único gol do jogo: 1 a 0, para alegria da torcida paraense no Colosso dos Tapajós e para o desespero de Joel Santana, que logo após o lance substituiu Fahel pelo jovem atacante Caio.
Com a modificação, o setor ofensivo do Botafogo ganhou mais mobilidade, mas mesmo assim continuou pecando nos contra-ataques. Desta forma, o São Raimundo garantiu o jogo de volta contra o Botafogo, no Rio de Janeiro e tem a oportunidade de avançar de fase na Copa do Brasil.
Com informações do Lancepress


SÃO RAIMUNDO-PA 1 x 0 BOTAFOGO

SÃO RAIMUNDO-PALabilá, Filho, Evair e Carlão; Leandrinho (Ceará), Marcelo Pitbull, Beto, Michel e João Pedro; Hallace (Maurício) e Del Curuça (Branco)

Técnico: Flávio Barros

BOTAFOGO Jefferson, Antônio Carlos, Fahel (Caio) e Fábio Ferreira; Alessandro (Wellington Júnior), Leandro Guerreiro, Eduardo (Somária), Lucio Flavio e Marcelo Cordeiro; Herrera e Loco Abreu

Técnico: Joel Santana

Gol: Branco, aos 23 minutos do segundo tempo

Cartões amarelos: Evair (São Raimundo-PA); Herrera, Antônio Carlos e Fábio Ferreira (Botafogo)

Estádio: Colosso do Tapajós, em Santarém (PA)
Data: 10/02/2010

Público: 14.219 presentes (12.769 pagantes)

Renda: R$ 327.335 Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (DF) Auxiliares: Marrubson Melo Freitas (DF) e Luciano Benevides de Sousa (DF)
Postar um comentário