05 novembro 2013

Tuna fica no zero e Vettel nos zerinhos

Enquanto Vettel corria para ganhar a sua sétima seguida, a Tuna no Souza corria para vencer a sua primeira.Mundos distantes e diferentes.
Lecheva o piloto cruzmaltino depois de peneiras amadorísticas e outras buscas ,conseguiu arrumar uma onzena cheia de mesclas.
O goleiro Paulo Wanzeller , e os defensores San e Cristóvão sao cobras criadas na relva cabana e o mesmo se pode dizer de Adriano Miranda.
A manhã calorenta no Chico Vasques serviu para mostrar garotos vindos da base e que são indiferentes para o tamanho da lua. Gabriel, Lateral esquerdo e os atacantes Yuri e Kalindi foram responsáveis em por brilhos nos olhos tunantes.
Já o estrangeiro Jessé com a carteira cheia de carimbos entrou no segundo tempo e perdeu um gol feito em um chute dos mais bisonhos ,tá no video acima.
O tipo do  donuts que nao se pode digerir com tranqüilidade. Sao duas vagas e na briga há oito equipes e setes jogos para cada, a Tuna joga quatro em casa, mas ja empurrou um para a lixeira. O zero na manhã de domingo foi comemorado pelos visitantes. Mas o técnico deles já tinha um discurso pronto para uma possível derrota.
Lecheva não teve uma boa arrancada. Quando aceitou ser o chefe da oficina Tunante sabia da falta de mecânicos e de prata para manter a equipe,vai ter que literalmente ralar para por a equipe em forma. Agora o desafio vai ser fora de casa e em uma pista que pode ser decisiva para nossas pretensões . Há graxa espalhadas por todos os cantos no Souza...Lecheva tem que tomar cuidado com seu próprio macacão , um pouco grande para seu tamanho.
Mas Por favor trás o carro de volta.. “Let me quote: yes, yes, yes, I know what I am doing Nao tô falando contigo Vettel! Segue nos zerinhos.ok
Postar um comentário