22 fevereiro 2010

PALMEIRAS 2 x 0 SÃO PAULO- Espantando a crise





A combinação entre as mudanças do estreante técnico Antônio Carlos Zago e a presença de área o atacante Robert levaram o Palmeiras à vitória no clássico deste domingo, contra o São Paulo. Com dois gols do criticado camisa 20, a equipe alviverde aplicou 2 a 0 nos rivais no Palestra Itália, pela décima rodada, e reencontrou o triunfo em casa no torneio.



A vitória quebra duas longas marcas no clássico Choque-Rei. O São Paulo, que não sofria gols do Palmeiras desde outubro de 2008, voltou a ser vazado graças a duas cabeçadas de Robert no segundo tempo. Além disso, o time alviverde conseguiu um resultado positivo sobre o rival após cinco partidas, tendo sofrido duas derrotas e empatado três vezes desde a semifinal do Paulista de 2008.

Tanto Robert como o técnico Antônio Carlos derramaram lágrimas no gramado do Palestra. O atacante, alvo de desconfiança por parte da torcida, chorou ao marcar o primeiro do jogo; já o técnico, bicampeão brasileiro pelo clube no início da década de 1990, não conteve a emoção após ter seu nome gritado das arquibancadas - no sábado, ele foi um dos alvos de protestos por parte dos fãs.

O Palmeiras também volta a vencer em casa após dois empates e uma derrota em 2010 no seu estádio. O time alviverde, que havia superado em seus domínios apenas o Mogi Mirim na primeira rodada, chegou aos 16 pontos e à sétima colocação no Estadual, mas segue atrás do São Paulo, que tem 17 no quinto posto.

As duas equipes voltam a campo pelo Paulista no próximo domingo: o São Paulo recebe o Monte Azul, enquanto o Palmeiras desafia o Rio Claro, fora de casa. Os dois clubes, porém, têm compromissos no meio de semana: os pupilos de Zago atuam no Palestra Itália contra o Flamengo do Piauí, na volta da primeira fase da Copa do Brasil. Já o São Paulo vai a Manizales, na Colômbia, para o embate com o Once Caldas no Estádio Palogrande, pela segunda rodada da Copa Libertadores da América. do terra.com

Postar um comentário