02 outubro 2010

Tuna pega o paysandu em amistoso dentro de instantes na Curuzu


O último clássico entre Paysandu e Tuna Luso foi disputado em 8 de julho de 2008, válido pelo Campeonato Paraense da temporada: 5 a 1 para o Papão. Nos dois últimos anos, a Lusa não conseguiu sequer se classificar para a fase principal da competição estadual. Samuel Lopes (2), Admilton, Paulo de Tárcio e Fernando marcaram para o Paysandu. Daquele time, apenas quatro seguem no atual elenco bicolor: o goleiro Paulo Wanzeller, o lateral esquerdo Aldivan, o meia Fabrício e o atacante Zé Augusto. Coincidentemente, o técnico era Charles Guerreiro.

Sem recursos e com o departamento de futebol reduzido basicamente à garotada formada nas divisões de base, a Tuna tenta, neste ano, voltar à elite do futebol estadual. O time encara o Paysandu, logo mais, como seu principal teste até aqui no ano. No elenco, muitas caras novas e algumas já conhecidas: casos de Flávio (zagueiro), Hugo de Leon (volante), Japonês (meia) e Patrick (atacante). Com eles, mais uma garotada iniciante na carreira, o técnico Zé Carlos tentará engrossar para cima do time bicolor.
A distância entre o jogo de hoje e o último clássico explica o desconhecimento - ao menos os "importados" de outros clubes - de muitos atletas em relação ao adversário. A Águia tem no currículo duas conquistas nacionais (Taça de Prata de 1984 e Série C de 1992), mas hoje ela é quase uma desconhecida para muitos do elenco alviazul.

"Conheci a Tuna depois que vim para cá. Quando estava no Rio, nunca tinha ouvido falar. Sei que é um clássico e deve ser um jogo bem disputado", admitiu o volante Alexandre Carioca, que hoje fica no banco após perder a vaga para Vaninho.


jogador de futebol profissional que diz  que  nunca ouviu falar da Tuna Luso , deveria sentir vergonha por não conhecer nada de sua profissão, ao que parece o tal do Alexandre carioca não e' jogador de futebol e sim bancário. cada um, hein!


Paysandu

Alexandre Fávaro, Marquinhos, Paulão, Leandro Camilo e Aldivan; Tácio, Sandro, Fabrício e Vaninho; Thiago Potiguar e Bruno Rangel. Técnico: Charles Guerreiro


Tuna

Cléber, Bruno Oliveira, Flávio e Cristóvão; Hugo de Leon, Euller, Japonês, Pituta, Fininho e Júnior; Patrick. Técnico: Zé Carlos

Local: Curuzu (Belém)
Horário: 20h30
Ingressos: R$ 5 (a) e R$ 10 (c)
Árbitro: Clauber José Miranda
Assistentes: João Paulo de Souza e Graciane Dias Dias



Postar um comentário