30 abril 2011

Sadam, o mascote

As vésperas de clássico todos se agarram com o  que tem  para levar uma certa vantagem, são os incentivos extra campo.

A historia do cão sadam se mistura com os muitos momentos vividos pelo clube, O vira lata brincalhão deve preencher de bons momentos jogadores e funcionários que vira e mexe levam uma vida de cão , com os sucessivos atrasos salariais.

Pela aparência de Saldam a gente percebe que o bicho andou pegando para o seu lado. Mas segundo os depoimentos o cãozinho vem recebendo algum tratamento para melhorar a saúde .

Suas abanadas de rabo podem estar querendo dizer algo. Se a bóia esta em dia, Sadam nao tem do que se queixar.

A historia de Sadam acabou mostrando que dois ex treineiros não simpatizavam com a presença do vira lata. Artur Oliveira e Giba passavam bem distante do bichinho e ao que parece Sadam também não ia com os focinhos dessa dupla.

Quem teve um vira lata em casa sabe o quanto eles são companheiros e se bem tratados então, sai de perto.
Vida longa ao Sadam. Quanto ao clássico???? que percam os dois. Ora pois!

Postar um comentário